Cursos de Queijos Vivos e Veganos

Meu curso mais doce!!!

Curso de Doces e Sobremesas da Culinária Viva!

Mentoria Online - Atendimento Individual

Tudo que estamos aprendendo se torna mais fácil quando somos acompanhados de perto por uma pessoa que tenha mais experiência no assunto. Sobretudo quando essa pessoa tem uma boa didática! Modéstia a parte, essa pessoa sou eu! Eu criei a mentoria inspirada na minha experiência com a minha mentora. Ela foi fundamental na minha caminhada e ainda é. E através da mentoria eu posso estar mais perto dos participantes dos meus cursos. O meu objetivo na mentoria é oferecer orientação individualizada, tirar dúvidas, ajudar para que os participantes possam dar passos largos e mais rapidamente superar desafios para que tenham resultados mais rápidos na prática do dia a dia. Orientar sobre a organização para o estilo de vida, tirar as dúvidas em geral, sugerir práticas e corrigir técnicas são algumas das funções da mentoria. Também ajudar a lidar com situações sociais e, de viagem. E ainda sobre como lidar com pessoas no que se refere a introdução da nova prática alimentar. Tudo isso faz parte do nosso trabalho. Para mais informações sobre a mentoria envie uma mensagem para mim. Meu email: juliana@culinariaviva.com

Bebê pode comer cacau em pó?



Oie! Respondendo a pergunta do @rafaelanovaespaisagismo lá no instagram!

Bem, vamos lá! Gratidão Rafael pro sua pergunta! Me ajudou a escrever um post com um assunto que eu considero bem importante para todos nós, com ou sem bebê por perto!

Até seis meses de idade é recomendado que bebê consuma apenas o leite materno, da mãe dele no caso...rs Não de outras mães de outras espécies...rs

Durante a introdução alimentar, a partir dos 6 meses, é sugerido que eles possam descobrir os sabores reais das frutas e dos legumes. Então alterar o paladar da fruta seria um motivo para eles não consumirem cacau.

A partir dos 8 meses as nutricionistas em geral dizem que não haveria problemas para a saúde do bebês, claro que moderadamente como tudo.

Aí eu adiciono as minhas razões para descordar um cadinho:

Na minha humilde opinião as crias antes de 3 a 4 anos de idade não deveriam consumir cacau.

O cacau tem em si uma substância estimulante cardiovascular. E é por isso que ele é considerado afrodisíaco e maravilhoso para praticantes de esportes. Ele já recebeu muitos nomes e aplicações por essas características incríveis! Essa propriedade já fez dele um alimento sagrado entre os Incas e Maias.

Porém os bebês tem o corpo "muito limpinho", num ambiente alcalino como o corpo de um bebê o cacau terá uma ação mais intensa  do que em um adulto  já meio "poluído", por assim dizer, com a grande maioria. E mesmo que naqueles que já tem um prática desintoxicante. Pense em como você se sente como come cacau puro.

Então a sensação de animação e excitabilidade é uma a reação do estimulo cardiovascular, e que será percebida no bebê e a agitação será percebida pelos pais, naturalmente. O que pode acarretar perda de sono e irritabilidade por parte do bebê. O que geralmente acarreta o mesmo pros pais...rs

E diga aí, qual é a mamãe, o papai ou a vovó que precisa que seu bebê saudável tenha mais energia do que ele já vem de fábrica? E se o bebê estiver sem energia não deve ser o cacau o alimento indicado para resolver esse problema!!! Atenção, não mesmo!

O mesmo cuidado para não acelerar demais nós devemos ter também, mesmo sendo adultos. O corpo tem seu ritmo, acelerar com alimentos que são estimulantes não é sinal de energia vital no corpo. A acelerada desses alimentos como a cafeína, por exemplo, é uma forma de forçar o corpo a trabalhar com uma energia que ele as vezes nem estava dispondo. Você já reparou que lembramos da cafeína quando temos sonolência e fraqueza? Então o corpo pega a energia que tá fraca e concentra pra ter uma sensação instantânea de disposição. Para isso acontecer uma das coisas que são paralizadas no sistema, momentaneamente,  é o sistema natural de desintoxição. Então, isso quer dizer que você deixa de desintoxicar, embora isso seja fundamental para ter verdadeira vitalidade.

Então, se você tá com a pilha fraca ou tá com aquela moleza no meio da tarde, o melhor é levantar dar um pulos, dar leves palmadinhas pelo corpo todo, sorrir, e observar se sua energia subiu. Deveria, tá? ...rs

Naturalmente a base para um corpo ter energia e bem estar constante é a regra básica: repouso, alimentos vegetais, atividade física regular e moderada e amar! Meditar também faz muito bem!

Ajudei? Essa informação agregou algo pra você? Por amor deixe nos comentários as suas impressões, porque isso me anima a escrever mais e mais e mais! Tem dúvidas? Manda pra mim! Sua dúvida pode virar um post!

Um vivo abraço!
Juliana



Fonte da foto, com gratidão a https://jornaldoguara.com.br/2018/08/07/urbanos-recebe-cerimonia-de-cacau-da-lua-nova/

RECEITA DA TORTA FACINHA DE BANANA







Conforme prometido, vamos lá!

Pensa uma receita fácil de fazer que dá pra fazer com o bebê no sling! Pensa se dá pra uma mãe que nem dorme tanto assim fazer com um bebê sling, você que não tem esse “temque” irá conseguir fazer com as mãos livres! Kkkk Sem mimimi! Vamos lá?

A técnica é bem simples, resumindo e simplificando se trata de um creme de frutas, no caso banana, intercalando camadas de fatias de frutas. Fica bem gostoso temperar misturando ingredientes como coco ralado, canela, cacau (se não for para bebês), alfarroba e óleo de coco, por exemplo.

Ingredientes:
8 bananas grandes maduras
6 bananas um pouco menos maduras
1 colher de sopa cheia de Alfarroba (opcional – pode ser cacau, se não for para bebês)
½ xícara de coco ralado (eu usei a massa do leite de coco descascado – sem a parte marrom, que alguns chamam erroneamente de resíduo ...rs)
Raspa da casca de meia laranja (fundamental...rs)
5 morangos orgânicos (opcional)
3 colheres de sopa de óleo de coco
Canela a gosto

Preparo:
1.       Faça um creme com a banana as bananas maduras e umas duas bananas menos maduras e a alfarroba, quando terminar acrescente óleo de coco e o coco ralado e misture com uma colher;
2.       Numa forma de fundo removível de 30 cm (pra essa quantidade de ingredientes), coloque uma camada de bananas menos maduras em fatias;
3.       Cubra com o creme e siga intercalando até acabar a massa;
4.       Decore com coco ralado, raspa de laranja, canela e morangos ou outra fruta da época;
5.       Coloque no congelador por 4 horas para ajudar a dar firmeza, mas se preferir consumir na hora tudo bem também!

Dica:
- A banana mais verde e o óleo de coco ajudarão a dar consistência firme à massa.
- Brinque com as possibilidade de substituição de frutas no creme e nas fatias!
Rendimento:
1 torta de 30 centímetros!

Essa receita foi inspirada numa torta deliciosa feita por @saudefrugal num retiro que organizei pro Corassa. Espero que tenhamos outro em breve!

Gostou? Vai fazer? Então comenta aí! O que você achou dessa receita? Facinha? Vai rolar?
Aproveita me conta, você tem mais fome dos doces ou dos pratos salgados da Culinária Viva?

Ah! Sim, a minha ficou meio caidinha pro lado, né? É que tava o maior calor e a bichinha não aguentou! :D Faz parte, mas foi o maior sucesso! Vou colocar na próxima postagem as carinhas felizes que curtiram essa delícia!

Um vivo abraço!

Mude suas emoções através dos alimentos

Aprendemos que comer é pra ter energia pra estudar e arrumar a casa e brincar... Não nos ensinaram que comer é fundamental para criar emoções positivas, dar real energia pro corpo e transformar os sentimentos de opressão em liberdade e ação. 

Eu vivi essa experiência de transformação pessoal de uma maneira tão profunda há 13 anos que eu decidi que me dedicaria a levar essa possibilidade para outras pessoas.

Eu decidi que iria empreender e levar para o maior número de pessoas a liberdade de escolher alimentos que são capazes de trazer boas emoções.

Desde então eu atendi centenas de pessoas, dei aulas outras tantas de 5 países através da internet. E sistematizei uma forma de ensinar e aprender! Baseada na minha experiência e pessoal e profissional!

E ele está pronto pra você! Chama-se Transformação Viva. São 8 semanas, 60 dias de cardápios, lista de compras e dezenas de video aulas de receitas para você transformar suas emoções, suas escolhas e se sentir com força e energia para fazer as melhores escolhas para sua vida!

É com certeza de que você terá uma linda colheita que eu te convido para conhecer o

http://ju.culinariaviva.com/tv.

O meu treinamento mais completo e que tem tudo que você precisa para viver com emoções serenas, num corpo cheio de energia e muita vitalidade!

Um vivo abraço!
Juliana Malhardes

Transformação Viva com Mentoria Individual! Primeira aula gratuita.


VAMOS MELHORAR O MUNDO JUNTOS?

É com alegria que venho te apresentar a forma que encontrei de mudar o mundo para melhor! Através de aulas de Culinária Viva! Há 12 anos eu facilito a vida das pessoas interessadas em mudar o mundo a partir da própria saúde, se tornando mais felizes e vivendo com mais energia a partir do aumento do consumo dos alimentos vegetais, pouco processados e crus! Dessa forma eu já orientei centenas de pessoas de cinco países e não tenho vontade de parar, nem elas de praticar!!! E seria maravilhoso viver essa experiência com você também!

Quando comecei na Alimentação Viva senti muita falta de uma forma didática sistematizada, objetiva e simples de orientação para a prática cotidiana da Culinária Viva. Eu passei anos aprendendo aqui e ali, pescando coisas na internet e indo a oficinas pontuais, além de fazer imersões… Eu consegui viver a transição, transformar minha saúde completamente!!! Mas aprender essa forma me tomou muito tempo e investimento.

 Acontece que quando a informação vem solta, pulverizada dessa forma o processo de mudança dos hábitos é mais lento e dispendioso! Como tudo tem um lado bom e nada é por acaso, essas dificuldades me inspiraram a facilitar a caminhada de outras pessoas interessadas em viver um estilo de vida com mais saúde e bem estar com os alimentos vegetais, de forma que elas precisam de muito menos tempo e menos investimento!

Eu me dedico a orientar pessoas que desejam aprender a implementar na rotina, de um jeito prático, uma forma aumentar o consumo dos vegetais frescos, crus e pouco processados de forma saborosa, na sua rotina. Ganhando em menos tempo mais clareza mental, vitalidade e humor sereno.

 Fato que a Culinária Viva e Plant Based são únicas, assim com as pessoas e suas rotinas! Então depois de alguns anos dando treinamentos exclusivamente através de video-aulas gravadas e suporte em grupo ou por e-mail, através do Transformação Viva, o meu curso mais completo e transformador de hábitos de vida, eu decidi oferecer um diferencial.

Além das vídeo-aulas gravadas do Treinamento Transformação Viva, agora os interessados em mudanças sustentáveis com orientação personalizada, contam com mentoria através de atendimentos individuais. Onde compartilham suas experiências com alguém que tem expertise e entusiasmo para dar aquela força no caminho.

Te convido para conhecer o conteúdo das aulas do Transformação Viva através acesse link: http://ju.culinariaviva.com/tv. Você pode fazer esse curso com ou sem mentoria.

Para ter acesso ao Transformação Viva com Mentoria Individual, com 8 encontros semanais de orientação, com uma hora de duração, individual, personalizado e baseado na sua realidade. Onde você terá acesso a mim para tirar todas as suas dúvidas, orientar seu desenvolvimento nas habilidades práticas e te guiar para um próximo nível no desenvolvimento de cardápios com orientação personalizada, envie uma mensagem de whatsapp para http://bit.ly/2OuS1Ip, responda a um breve questionário e, se for pra você, agendaremos uma primeira aula gratuita para avaliarmos juntas o melhor para programa para você!

Um vivo abraço!
Juliana Malhardes
Educadora em Culinária Viva - com 12 anos de experiência orientando pessoas do Brasil e cinco países a se tornarem mais saudáveis com a Culinária Viva e Plant Based.

Germinando na Vegetarianos


É com muita alegria que venho compartilhar que nossos novos começos, com nova equipe e muitas novidades nos conteúdos e cursos, foram brindados com um convite delicioso para uma matéria sobre germinação de sementes na 143ª edição da Revista Vegetarianos.

Confesso que tenho um xodó com essa revista que vi nascer num Congresso Vegetarianos anos atrás. Parece que foi ontem lá o lançamento dela. Fico muito feliz que ela esteja crescendo e ganhando cada vez mais espaço nas bancas das cidades.

Bem, eu sugiro que você corra para garantir a sua revista física, ou se você já se adaptou a versão digital das coisas, que acesse o link da editora que estou deixando aqui para você comprar a sua revista com precinho reduzido de digital...rs http://europadigital.com.br/vegetarianos/143 

Enquanto isso eu vou postando palhinhas da matéria que está bem bonita e cheia de informações que irão te dar aquela força para subir mais um degrauzinho na sua caminhada com o estudo e a prática da Alimentação e da Culinária Viva para o seu dia a dia!

Se você amou a matéria, deixa aí seus comentários! Por amooooor!

Vivas beijocas!
Ju

Novos começos!!!


Olá amigos! Com as redes sociais demandando ser alimentadas e os cursos crescendo e me absorvendo, o blog, meu filho mais velho, tem andando meio de lado, mas passei pra dizer que ele e você querido leitor do blog, não estão esquecidos! E que eu estou estudando mudanças e atualizações que em breve vão estar disponíveis inaugurando a nova fase do CulináriaViva.com! 

Nessa nova fase o foco está em gerar mais conteúdo gratuito integrando o canal no youtube, o instagram (@culinaria_viva) e o nosso blog! De presente voltaremos a disponibilizar a aba "receitas" aqui no blog também! Gostou? Pode comentar...rs Eu mereço, né?

Para quem já está no ritmo da Culinária Viva na rotina, que deseja ir para um próximo nível ou que está no início e deseja ter um conteúdo sistematizado para organizar a sua mudança rumo ao dia a dia com mais vida com as sementes germinadas e brotos, vou deixar disponível a lista de cursos online de Culinária Viva aqui no blog na aba Cursos Online, alguns cursos já estão disponíveis lá.

E para quem está buscando ir mais além ainda, buscando uma Transformação na sua saúde e energia,  estou abrindo uma agenda com poucos horários mensais para mentoria individual, um Personal Transformação Viva. Destinado apenas para deseja viver a sua Transformação Viva na sua forma mais com completa com mentoria e suporte individualizado.

Acontece através de sessões ao vivo com vídeo e semanais. Para guiar sua Transformação o material de apoio será o conteúdo de vídeo aulas de culinária e de teoria, além de pdfs de receitas do Treinamento Transformação Viva, que oferece menu semanal, lista de compras e planejamento de cardápio por 60 dias!

Esse serviço é destinado para as pessoas que desejam uma orientação individual e personalizada. Para se candidatar o interessado deve preencher alguns pre-requisitos, para isso deverá responder um questionário simples.

Preenchidos os pré-requisitos, passará para uma primeira sessão gratuita de apresentação e nivelamento na qual iremos definir se o treinamento é adequado para suas expectativas e reais necessidades.

Estão também abertas algumas vagas para a Nova Formação de Chef Educador, já na quarta edição, a formação está ainda mais completa. Nessa versão o participante conta com suporte e mentoria individual. Pré-requisitos também serão observados na avaliação para a participação nesse treinamento.

Finalmente tudo está sendo pensado para que os novos Chefs alcancem o nível dos participantes mais dedicados da primeira etapa que se tornaram profissionais nesse seguimento que cresce a cada dia, o da Alimentação Saudável! E que estão se realizando trabalhando com o que acreditam, ajudando outras pessoas e sendo remunerados por isso!

Ou seja para cada momento com a Culinária Viva temos o conteúdo necessário para que você tenha acesso as informações relevantes para obter mais saúde e qualidade de vida com a Culinária Viva.

Desde ser nosso seguidor curioso nas redes sociais, um culinarista, até um Chef Educador que transforma vidas, para cada etapa você encontra aqui tudo que você precisa hoje no CulináriaViva.com, blog e cursos! Através desses conteúdos você irá se sentir seguro através de  informações relevantes e seguras para cada etapa do seu Estilo de Vida Vivo!

Para mais informações, por gentileza escreva para juliana@culinariaviva.com ou para whatsapp: 21.98349.6244.

Será uma alegria te atender!

Um vivo abraço!
Juliana Malhardes


Curso De Pratos Salgados da Culinária Viva

Você está cansada de comer frutas, sucos e saladas o dia todo e sente falta de pratos salgados na sua alimentação viva/crua?

Você acha fácil comer vivo durante o dia, mas tem dificuldade à noite?

 Você gostaria de aprender a preparar deliciosos pratos salgados e 100% vivos?

Se você respondeu sim para algumas das perguntas acima, então você vai adorar meu novo curso online de pratos salgados da Culinária Viva.

Vamos ser sinceros, se você já tentou ter uma alimentação viva você sabe que mudar seu café da manhã não é tão difícil.

Se você é como a maioria das pessoas você nem tem tanta fome pela manhã, então substituir seu o desjejum por sucos, smoothies e frutas não é lá esse sacrifício todo.

Mas você sente que mesmo quando você come um monte de frutas durante o dia, você quer algo diferente pro jantar?

 No jantar, a ideia de comer mais frutas ou tomar mais smoothies pode ser meio frustrante. Você quer sentar e ter uma refeição mais substancial, e de preferência salgada, certo?

O fato é, se você puder aprender apenas 5 ou 10 receitas salgadas que você realmente aprecie, você vai achar mais fácil comer vivo.

 E foi exatamente para lhe ajudar com esse problema que eu criei meu novo curso online de pratos salgados da culinária viva.

Nesse novo curso você vai aprender a preparar: 
Rolls
Wraps
Tacos
Pizza
Macarrão
Caneloni
Lasanha
Veggie Chips
Bolinhos salgadinhos

E muito mais!

São deliciosas receitas de pratos salgados vivas para todos os gostos e para todas as ocasiões.

 E como sempre, como em todos os meus cursos, todas as preparações ensinadas aqui são super práticas de fazer e com ingredientes que você consegue encontrar.

 Gostou? Quer dar uma renovada na sua alimentação?

Então preste bastante atenção ao que vou dizer agora.

Você pode garantir agora sua vaga por apenas R$ 149.

Clique aqui e compre agora! 

Pastinha de amendoim germinado



Ingredientes: 1 xícara de amendoim germinado ou sem pele hidratado 1 colher de sopa de cebolinha picadinha 1 dente de alho cru raladinho 1 fio de azeite (opcional) 1 colher de chá de sumo de limão Sal a gosto

 Preparo: Hidrate ou germine as sementes; Retire a pele, se for o caso; Processe as sementes com alho e sal, até obter uma consistência homogênea; Acrescente azeite, limão e a cebolinha e misture com a ajuda de um garfo para temperar bem, como se faz com pastinhas ou ricotas, ok?;

 Pronto! Você pode consumir como pastinhas ou fazer bolinhos!

 Rendimento: 1 xícara ou 5 sandubinhas de couve.

Você pode fazer também com amêndoas descascadas, nozes, castanhas do pará,... Hidrate por uma noite e vamos que vamos!!!

Refeição Viva de mamãe

É disso que estava falando na postagem sobre alimentação viva na maternidade!

Uma vez ouvi da querida flor de Vânia Maciel, que orienta recém mamães na sua caminhada, que não deveríamos ter dúvida de que o corpo faria tudo para manter o bebê com todas as suas necessidades atendidas durante a gestação e amamentação. A questão é o que fica pra mãe!

Durante a gestação bebi muito leite vegetal, sobretudo de gergelim.

Agora continuo tentando nos proteger!

Uma comidinha assim como essa, acompanhada de uma saladinha verde da horta com tomatinhos organicos é uma fonte bacana de fibras, gorduras e proteínas.

Os bolinhos de cenoura girassol descascado, o guaca que é guaca...rs, e a quinoa cozida delicadamente. Assim componho uma refeição que traz saciedade! Pra quem não sabe ainda, a  quinoa cozida não altera o ph do corpo. Ele mantém a alcalinidade. Então, é um dos alimentos cozidos do bem! Ok?

Tudo bem corrido, as vezes chego a comer em caneca pra poder sair andando pela casa, mas nada é mais gratificante do que amamentar consciente de que está vertendo por ali o melhor que eu pude  realizar para saúde do meu  filhote de homem!

E quando não dá certo? Deixo a culpa pra lá! O que vale é a rotina! E a rotina que constrói saúde e boa qualidade! Então, sementes na água e amanhã tudo será melhor!

Simples assim!

O bolinho? Faz assim:
Processe uma parte de cenoura crua picada para 3 partes de girassol descascado hidratado por uma noite ou umas três horas, que já basta. Um dentinho de alho ralado, azeite e sal. Depois acrescente cebolinha picada e misture com um garfo como quem tempera uma pastinha. Faça bolinhos e coloque no forninho em calor baixo ou no  desidratador para aquecer e dourar! :D

Feliz refeição!

Vivas beijocas
Juliana Malhardes
Mãe do Lucas

Alimento Vivo na maternidade!

Então, as voltas com bebê e trabalho, as coisas na alimentação estão bem desafiadoras pra mim nesse momento. Mesmo trabalhando em casa, o tempo escorre pelas mãos como diz a música!

Além do desejo de me alimentar bem, agreguei o desejo de fazer o melhor para manter uma boa qualidade de nutrientes para o leite do meu bebê, estamos indo para o quinto mês,  ele  pesando  10 quilos, exclusivamente no leite materno,  apesar da minha coluna envergando, ao que parece o projeto  saúde tá dando certo! Se  você não sabe, esse peso numa alturinha de 68 centímetros, é uma medida para um bebe de seis meses grande!!! Sim, um bebê grande...rs

E pra mãe aqui, e entre altos e baixos, as coisa anda bem, por assim dizer...rs

A falta de tempo é um desafio gigantesco, bem pior do que eu poderia imaginar! O  que exige cada vez mais uma organização mínima para  manter uma alimentação ao menos boa.

Naturalmente há momentos que a organização  mínima acaba antes da  reposição das pré-preparações e o desafio recomeça... Mas tá valendo!

Vamos logo a conclusão que cheguei nesse meu novo momento, CULINÁRIA VIVA SIMPLES é a solução!

É isso. Porque quem tem bebê sabe. Se estão acordados querem atenção. Quando estão dormindo requerem silêncio. Junto com isso tem uma rotina que é praticamente uma maratona de atividades sem fim! E a casa tá sempre uma zoeira... Assim como o layout pessoal...rsrs

Festinha na hora de acordar, fraldinha, banho de sol, banho, mamada, soneca, soninho, pestana, coco - outro banho, fraldinha, ... E assim vai... E quando vejo são 16 horas, estou exausta, o bebê nem tanto e a unica coisa que alivia é uma comédia romântica para entorpecer a mente e aliviar a realidade...rs É pra você como é pra mim? Bem, eu passo a maior parte do tempo sozinha, aqui não rola avós ou tias corujas full time, nem babás...rs

Existem mães com desafios bem maiores, eu não tenho problemas de fato, eu tenho uma rotina para organizar com falta de tempo...rs Porém, apesar dos desafios, eu quero comer bem... Esse é o tema da conversa!

E aí? O que aprendi até agora?

Que estou certa e que tenho que continuar teimando...rs

Eu estou entendendo que nada daquela coisa mais elaborada como lasanha viva ou caneloni me pertence mais... Bolinhos? Sempre que tem alguém pra ajudar a fazer as bolinhas, siiiim... Mas na minha realidade não rola muito esse alguém, além da dinda  que as vezes aparece e salva a pátria, mas no geral eu tenho que enrolar o Lucas pra conseguir enrolar bolinhos salgados...rsrs Aí um sanduiche de folha de couve acaba sendo a solução! E eu fico muito feliz, confesso!

Então, é  isso só resta a mãe que quer comer vivo simplificar as refeições vivas. Para facilitar no aporte calórico, vale completar com legumes no vapor ou quinoa ou painço cozidos. Assim mantendo a base viva, mas com um percentual de alimentos cozidos que sejam realmente saudáveis. Vale aqui um critério do que pode ser uma boa cozido. E assim ficar com o melhor dos dois mundos, vivo e cozido. Especialmente nessa época de inverno, onde o quentinho tem seu lugar, em outras postagens quero definir melhor esse tema para que fique bem claro do que estou chamando de quentinho saudável!

Essa composição equilibrada, com escolhas conscientes, oferece ao corpo uma boa possibilidade de resposta para manter um bom padrão de desintoxicação. Uma ideia de um bom número, como preconiza o Dr. Gabriel Cousens, Oitenta porcento alimentos vivos combinados com vinte porcento de alimentos cozidos de qualidade e ainda entrem aqui alguns biocídicos (imagine aqui...chocolate) podem ser bem trabalhados pelo corpo sem maiores danos, ao contrário, como muito boa qualidade!

Há  aqueles mais rigidos que irão dizer que isso seria viver um eterno detox retox, desintoxica reentoxica, mas o possível é um grande amigo. O mais importante é encontrarmos o nosso possível e um bom padrão de auto observação para garantir que a saúde está sendo bem  atendida!

Afinal, do nosso bom humor também depende o bem estar dos pequenos. Da nossa energia para acordar na madrugada e atender com carinho. A nossa disposição para rir e brincar sem parar. Nossa paciência para lidar com todos os palpites de todas as pessoas que fariam muito melhor do que fazemos se fossem mães dos nossos filhos... Tudo isso envolve bem estar e tudo isso está relacionado a boa qualidade do que comemos...

Tudo isso vim compartilhar pra dizer algo que pode ser que você curta muito! Daqui pra frente, vou trazer receitinhas fáceis, cotidianas de mãe sem tempo e corrida. Meio viva e algumas vezes meio cozida de qualidade! :D E desejando sempre que esse meu blog continue te inspirando no caminho da boa saúde a boa alimentação!

Vivíssimas beijocas,
Juliana Malhardes
Mãe do Lucas


Sanduiche de pastinha de amendoim germinado



Você pode fazer com outras sementes!

Pastinha de amendoim germinado

Ingredientes: 1 xícara de amendoim germinado ou sem pele hidratado 1 colher de sopa de cebolinha picadinha 1 dente de alho cru raladinho 1 fio de azeite (opcional) 1 colher de chá de sumo de limão Sal a gosto

 Preparo:

  1. Hidrate ou germine as sementes; 
  2. Retire a pele, se for o caso; 
  3. Processe as sementes com alho e sal, até obter uma consistência homogênea; 
  4. Acrescente azeite, limão e a cebolinha e misture com a ajuda de um garfo para temperar bem, como se faz com pastinhas ou ricotas, ok?; 
  5. Pronto! 


 Você pode consumir como pastinhas ou fazer bolinhos!

 Rendimento: 1 xícara ou 5 sandubinhas de couve.

Armazenamento: 4 dias na geladeira. Saladinha verde da horta 3 folhas de alface romana e um pouco menos que ½ molho de rúcula + 1 colher de sopa de ricota de amendoim + tomatinhos picados, azeite, limão e sal a gosto. Tudo misturado com as mãos para pegar bem o sabor!

 FECHANDO O SANDUÍCHE!

 Para cada sandubinha use 1 folha de couve + 2 generosas colheres de queijinho + uma porção de saladinha da horta! Fechou e pronto!!!

Como remover a pele do amendoim germinado?




Antes de mais nada, vamos combinar que descascar amendoim pode ser uma missão inglória! Por isso vou dar algumas alternativas que vão te ajudar!

Escolha o amendoim certo pra sua disposição de descascar, vamos lá?

A opção mais rápida e prática seria encontrar um amendoim cru sem pele na loja de produtos naturais mais perto da sua casa. Os preços são equivalentes aos do mercado, pelo menos na minha cidade. Difícil é encontrar quem venda. Se você está em Niterói/RJ, adianto que sempre compro na Loja Empório Verde do Trevo de Itacoatiara!

Se você mora na Bolívia isso não é novidade, né?

Mas se você mora no Brasil, ainda vale a pena pedir ao responsável da lojinha onde você costuma comprar suas sementes para trazer esse produto para sua lista de possibilidades, certamente outras pessoas irão se interessar!

Se não funcionar, então continue lendo essa postagem, você vai precisar! kkkk

- COMO TIRAR A PELE DO AMENDOIM DE FORMA PRÁTICA! 

- Primeiro, você precisa germinar!
- O AMENDOIM BRANCO OU CAVALO para germinar basta colocar as sementes de molho na água por umas 6 horas ou por uma noite. É aquele que tem a pele rosada clarinha que também sai à toa, basta deixar de molho por uma noite que ela fica molinha e soltinha.

- O AMENDOIM GIGANTE é muito raro, no Sul do Brasil a gente encontra entre os orgânicos, mas vale a busca porque é gigante como o próprio nome diz, e a pele sai fácil fácil e ele é uma delícia, fresquinho... Tudo de bom!

- Assim como o AMENDOIM COMUM, aquele vermelhinho do mercado, que todo mundo já torrou um dia... (que vergonha! kkkk), coloque de molho em água filtrada por uma noite, depois coloque para tomar ar num escorredor de macarrão ou num vidro com a boca coberta com tule, virada pra baixo, num secador de louça, num angulo de 45 graus.  Lave pela manhã e anoite, até que a maioria das sementes coloquem um narizinho branco. Isso pode levar cerca de 48 horas. Só consuma se mais de 80% esteja com nariz, do contrário, descarte!

Moral da história, só o vermelhinho pequeno e o gigante precisa de verdade colocar nariz, ok? O Branco ou Cavalo desapega fácil da pele e, em geral, não coloca nariz, por isso nem precisa insistir, nem tentar...rs

AGORA VAMOS DESCASCAR? 

- Amendoim comum é o mais apegado a sua pele vermelha! Germinar ajuda muito a se desapegar...rs

COMO REMOVER A PELE DO AMENDOIM? 

  1. Germine no ar ou deixe o amendoim de molho por uma noite; 
  2. Pela manhã escorra a água da demolha e descarte essa água; 
  3. Coloque as sementes num coador de voal; 
  4. Quebre as sementes rolando um rolo de massa, não precisa triturar, basta quebrar de leve em 3 a 4 partes aproximadamente; 
  5. Coloque as sementes em uma bacia com água suficiente para cobri-las; 
  6. Agite para as casquinhas subirem até a superfície; 
  7. Vire essa água em outra bacia, MAS use uma peneira para colher as casquinhas que vão sair; 
  8. Retorne a água para a primeira bacia; 
  9. Repita o processo quantas vezes for necessário;
  10. O desejado é remover pelo menos 80% das peles! 


- MAS PORQUE DEVEMOS REMOVER A PELE DO AMENDOIM GERMINADO? 

Porque as peles de todas as sementes são um excesso de fibra (celulose) que não é aproveitado pelo corpo. Esse excesso pode causar gases em praticantes que já consomem fibras bastante no seu dia a dia. Você pode se perguntar se faz mal comer as fibras? Não mesmo, especialmente se sua dieta é pobre em fibras integrais.

Mas existe um outro motivo realmente importante para remover a pele, que são os FUNGOS! E isso é realmente importante, não queremos comer fungos, porque eles são causadores de verdadeiros problemas de saúde. Confie em mim, você não quer comer fungos!

Como podemos reconhecer os fungos no amendoim?

Eles são visíveis a olho nu, são pontos marrom e preto escuros, muitas vezes tem aspecto desagradável e podre. Descarte as sementes, não precisa descartar todo o lote, ok? Naturalmente se o numero de sementes com fungo for mais que 20%, você realmente está com um lote velho e muito ruim nas mãos. Descarte!

A boa notícia é que a versão já previamente despelada já vem pré-selecionada, por essa razão raramente encontramos um ponto de fungo desses!


Você gostou dessa dica? Ela te ajudou?
Por amor, deixe sua opinião e suas dúvidas nos comentários!

 Vivíssimas Beijocas
Juliana Malhardes

Oficina de UM DIA com Culinária Viva



Vim te convidar para uma atividade que eu já não faço faz muiiiiiiito tempo, anos! E que esse ano está de volta com força total! E eu tenho certeza que você vai amar e não vai deixar passar de jeito nenhum!

É com muita alegria que venho te convidar para minha oficina de UM DIA VIVO EM FAMÍLIA!

Você vai aprender:
🌱COMO PASSAR UM DIA COM ALIMENTO VIVO!
🌱COMO SE ORGANIZAR PARA FAZER SUA COMIDA E A DA FAMÍLIA
🌱COMO PREPARAR REFEIÇÕES VIVAS


ATIVIDADES:
- Aulas de Culinária
- Refeições: Desjejum, almoço e lanche
- Palestras - Rodas de Conversa
Com apostila de receitas

 ORIENTAÇÃO:
Juliana Malhardes, mãe do Lucas, praticante do Estilo de Vida da Alimentação Viva, fundadora da CulináriaViva.com treinamentos, Chef Educadora em Culinária Viva formada pelo Terrapia/Fiocruz. Bacharel em Direito Ambiental, especialista em Gestão Ambiental com ênfase na metodologia Terrapia-Alimentação Viva na Promoção da Saúde/Ensp/Fiocruz, pela FGV. Participação Especial das Chefs Educadoras formadas pela CulináriaViva.com: Catia Bartels Cibele Pacheco Ju Guitel Natália Vieira.


MENU com pratos “quentinhos”: Suco, Salada com brotos, Sopa Viva, Yakisoba, Cruquete, Granola Viva, Açaí Raw e Panqueca doce.


Obs.: As receitas podem ser substituídas ou adaptadas para garantir a qualidade dos insumos.

DATA: 8 de setembro de 2018 - sábado, das 9 às 16 hs - 7 horas de duração.
(Aproveite o feriado numa praia de natureza liiiinda, podemos te passar dicas de onde ficar, pesquise Itacoatiara no google e confira!).

BÔNUS/PRESENTES:
- Suporte por 30 dias em grupo via WhatsApp
- Uma live de suporte para mentoria
- Sorteio de brindes Culinária Viva

LOCAL: Ateliê do CulináriaViva.com, em Itaipu/Niterói - RJ.

 INSCRIÇÕES ANTECIPADAS e VAGAS LIMITADAS

INVESTIMENTO: R$ 170,00 até dia 31/08 com desconto!

FORMA de PAGAMENTO:
Acesse o link ou copie e cole, e se inscreva já: https://pag.ae/bgCX6x4

MAIS INFORMAÇÕES:
 21. 98349.6244 (Whats)
Juliana@culinariaviva.com

REALIZAÇÃO:
www.CulináriaViva.com
Por Juliana Malhardes

A praticidade de descozinhar!


Eu entendo quando as pessoas dizem que comer comida viva não é “prático”. Bem, eu tenho uma outra visão, vim compartilhar.☺️
🌶️
Bem, inicialmente eu devo confessar que sempre tive nojinho de lavar panelas grudadas de comida, e de gordura na pia com restinhos de tudo!🤢
🙃
Mas não tem fritura na cozinha viva, tabuleiro de gordura e nem frigideira pra lavar! O melhor de tudo, não tem panela de pressão! 😨
😎
Então, se você não curte lavar louça e era isso que te afastava da cozinha, seus problemas acabaram! Sinta-se bem vinda a cozinha dos vegetais crus!!! 😍 Deliciosa e limpinha!
😍
Na hora da refeição, no lugar de aquecer três panelas e depois guardar tudo na geladeira, você consegue montar uma refeição usando a tábua de legumes, um prato, uma faca e uma folha de alga ou folhas verdes ou um pão vivo,... 
😇
Dá pra montar tudo no mesmo prato. Você enrola e come com as mãos. E depois só passa uma água no prato e devolve as sobrinhas pra geladeira.
😀
O desafio talvez esteja mesmo em aprender a não cozinhar ou descozinhar! Porque não aprendemos assim desde sempre com nossas mães e avós. Temos que aprender algo novo! 
🤓
Mas eu tb acho que complicamos essa parte pq as pessoas nem sempre são generosas na forma de ensinar. Elas ensinam receitinha pra vc ficar voltando pra aprender mais receitinha…
😞
Eu gosto de ouvir das pessoas que aprendem comigo que se tornam livres das receitas, que se sentem livres para criar e confiantes para seguir seus instintos culinários!
😍
Ao longo desses 13 anos ajudando pessoas a realizar o sonho do estilo de vida saudável com a culinária viva, eu desenvolvi fórmulas de criatividade e de praticidade para qualquer pessoa fazer uma refeição viva em poucos minutos!
🤣
E você? Gostaria de viver com muito bem estar, com comidas lindas e práticas?
🤔
Com essa resposta em mãos, por amor, clique no link http://ju.culinariaviva.com/tv e mãos a obra, na construção da sua Transformação Viva!
🌻
Vivissimas 😘
Juliana Malhardes
*****************
#CulinariaViva #AlimentaçãoViva #Vegan#RawVegan

Segredinho para ter a Culinária Viva todos os dias!


Ter brotos, queijinhos e pastinhas prontos na geladeira, me ajuda a montar refeições em poucos minutos, usando uma das mãos...rsrs com o Lucas na outra...😇 Seguro longe de panelas quentes ou frituras!😇
🌱
Manter essa simples organização é um dos meus segredos para ter a alimentação baseada em vegetais crus no meu dia a dia, mesmo nos dias corridos!
🌶️
Você gostaria de aprender a se organizar para ter uma dieta baseada em plantas com alimentos vivos?
🌱
Foi pra te ajudar que eu criei o meu treinamento online Transformação Viva!
🌶️
Para mais informações e inscrições, acesse http://ju.culinariaviva.com/tv
👆
Vivas beijocas
😘
Juliana Malhardes
🌱
******************
#Plantbased #rawvegan #raw #culinariaviva #alimentaçãoviva #vegetariano

É normal viver com mal-estar?


Você conhece alguém que já se acostumou a sentir mal-estar no dia a dia? Vou dar uma dica pra te ajudar a identificar!
🌶️
Entre outros sinais, essa pessoa tem sempre uma bolsinha com analgésicos! Ela sabe que irá sentir dor a ponto de sair de casa pronta pra remediar!
😨️️
Eu quero te contar uma história rapidinha!
🌱
Eu costumava ser essa pessoa. Até que descobri o poder dos alimentos na saúde e deixei de ter remédios comigo!
🌱
Os anos se passaram e eu esqueci dos remédios e sua aplicações.
🙃
Eu lembro da minha surpresa, como se fosse nova nesse mundo! Eu lembrei que existia essa tecnologia! E o quanto ela era tentadora!
😨
Quando conhecemos o potencial de saúde do corpo deixamos de achar normal  precisar de remédio a qualquer momento, a ponto de portar na bolsa!
😞
Ter saúde é diferente de aliviar sintomas!
😉
Silenciar sintomas é sabotar o sistema de saúde do corpo!
😨
Existe a possibilidade real de viver com a cabeça leve, o corpo livre de dores e desconforto!
😀
Que pode ser alcançada com mudanças e adaptações, praticando a escuta atenta do corpo e seguindo o bem-estar sem máscaras!
😉
Mas o médico diz que pode sim, que tá tudo bem…
🤐
E vc, está se sentindo disposta? Acorda cheia de energia? Seu corpo te dar a liberdade de fazer tudo que você gostaria?
😑
Você já  perguntou ao seu médico como está a saúde dele? Será que ele conhece saúde ou administra doenças como meio de vida?
😍
A minha mensagem é a de que podemos viver  em outro nível  de bem-estar, através dos alimentos baseados em vegetais, frescos, crus e cheios de vida!
🌻
 Você acredita?
🌱
Se você acredita e quer entrar em ação, por amor, acesse o link http://ju.culinariaviva.com/tv e participe do Transformação Viva!  Descubra a verdadeira saúde!
😉
Uma viva 😘
Juliana Malhardes

Meu novo curso online de Pratos Salgados da Culinária Viva

Essas e outras receitas salgadas deliciosas fazem parte do meu novo curso online de Culinária Viva!!!
Imperdível!!! Só de Pratos Salgados!

 Acesse o link: http://ju.culinariaviva.com/pratos-salgados e aproveite o valor promocional de pré-lançamento!

 E ainda receba gratuitamente um dos meus outros cursos online de Culinária Viva ou meu pacote de e-books de Receitas Vivas! Grátis e de acesso imediato!

O valor promocional de pré lançamento + o curso de grátis são por tempo limitado! Aproveite!

Comece agora! Acesse: http://ju.culinariaviva.com/pratos-salgados

Se inscreva no curso que vai transformar suas refeições salgadas, escolha seu curso gratuito e comece já!

 Vivas Beijocas Juliana Malhardes