3º Encuentro Internacional Crudista-Vegano

15:29 Juliana A. Malhardes 0 Comments

Queridas Sementinhas do CulinariaViva.com,
2012 está germinando com a força viva da ação. Como vocês sabem, decolamos com as sementes para o "3º Encuentro Internacional Crudista-Vegetariano" em Cochabamba, na Bolívia. Vim contar um pouco dessa viagem de 10 dias de "Harmonização com a Mãe Terra".

Pra mim o primeiro aprendizado foi a organização da Alimentação Viva para uma viagem sem poder levar líquidos e com o risco de perder as sementes na alfandega. O que não aconteceu, graças a Pachamama que fez dar tudo certo! A dica é:  leve a comidinha toda pronta e talheres de madeira (sem serra) para comer no avião!
Vivo e feliz!
Isso é que é serviço de bordo de primeira classe!


Destino:  COCHABAMBA - Bolívia.
No "comedor" do hotel,
nossa primeira refeição Cochabambina.
Café da manhã: prato de frutas com sementes e brotos.
 Nossa busca maior é pelas sementes que podemos consumir germinadas, por isso passamos os primeiros dias da viagem visitando mercados locais e identificando sementes e legumes.
Muiito amendoim já sem pele! 
Mercado popular, coisa fina!
Vegetales mui familiares!
Tem semente aí?
"Que vas a llevar, mamita?"
Essa é a frase que mais se ouve
das senhoras nos mercados populares.
A Cultura Andina preserva no país a força do cultivo com baixo nível de agrotóxicos e oferece uma variada opção de vegetais de cultivo orgânico em mercados super populares. A maior parte desses alimentos nos é muito familiar, como por exemplo: amendoim, milho, banana, manga, batata... Entre outras novidades locais.

Há cerca de 200 variedades de batata (papas)
conhecidas e consumidas na Bolivia,
mas os números crescem muito quando se trata das existentes
e muitos dizem que são  mais de 2000 qualidades,
vá saber..rs
Barraquinha de suco de laranja,
feito na hora,é que nem Coco em Niterói,
tem em tudo que é esquina, mui rico!!!
As senhoras de trancinhas não gostam de ser fotografadas,
mas até aí eu ainda não sabia...rs 
Tuna é um cacto doce que é como um fruta,
bem gostosa e tem pra todo lado.
Geraldinho tentando um suco no liquidificador de manivela...rs
Logo passamos para um liquidificador que era relíquia, do hotel... rs
O probrezinho "tinha" 23 anos e tb não aguentou muito mais que um suco até pifar...rs
Moral da história, viaje preparado para comprar um liquidificador!
Visitando uma vila agroecologica em Quiliacolo - perto de Cochabamba
Placas no lugar buscam despertar novas idéias.
Tradução: Se dê outra oportunidade :)
Pousada transcendental! Pense!
Um lugar pra um pic-nic vivo de almoço!
Até que começa o "serviço" propriamente dito...rs
Os organizadores nos convidam para a abertura oficial
do" Encuentro" que aconteceu na prefeitura de Cochabamba.
Na foto o médicos higienistaVictor Macena (Bolivia)
Maria Luiza Branco (Terrapia - Brasil),  Keppa (Pais Basco),
Maritza (Bolivia), Ormar Horst (Argentina) e o representante do prefeito.
Tá tudo muito bom, mas é hora de partir rumo ao Encuentro.
No ponto de encontro na Praça Colón,
 encontramos o nosso Luciano Vivo com sua preciosa Luana! 
Casa do Acampamento Los Molinos
e vaquinha que desejava nossas alfaces.


O encontro aconteceu numa estrutura de acampamento num local chamado Los Molinos, fora da cidade. Lá reunimos pessoas de 10 países: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, França, Inglaterra, Pais Basco, Peru, Uruguai e Venezuela que tinham em comum a certeza do amor como alimento fundamental.

Ó nóis aê!
Todos juntos!
CRUzinha Viva Internacional com os Chef Crudistas:
Vit Jayo (Chile), Diego Castro (Argentina) e Luciano Vivo (Brasil)
"Uniforme" oficial:  Avental do Terrapia!!! Um luxo! :O)
Esse é o "mui rico" Melão Andino,
 que ganhou lugar en mi corazón!
Imagine que KOKOPELI também apareceu por lá!
Ele representa a Fertilidade 
e na Sabedoria Ancestral Indígena
nos ensina que é chegado o tempo da colheita 
de tudo que foi semeado.
É TEMPO DE COLHEITA
Para não perder o hábito...rs, dediquei a maior parte do tempo às preparações culinárias cooperando na “CRUzinha”, no apoio aos hermanos chefs crudistas latino-americanos. No convívio estreito com os "vegetales crudos”, germinamos um ambiente de troca, aprendizagem, amizade e acolhimento.
Grupo da CRUZINHA em ação!
E a cada refeição o Chef Diego apresentava os pratos! 
E assim seguimos: a comer e a fazer comida para todos!
Dica de auto cuidado ecológico:
O ar seco castigou a pele e para aliviar usamos:
"Aloe" ou Babosa fresquinha.
Ops... surge mais um Chef,
"nuestro hermano" Leo (Argentina) integrou o grupo!
Enrolados de folhas de acelga recheados com salada verde,
 manga e creme de castanhas do Brasil temperado.

Comida pronta é hora de rodinha... vamos lá:
Tembiu Pornan Aguijeveté!
Alimento lindo, alimento vivo, quero agradecer!
Alimento vivo, alimento hermozo quero agradecer!


Na apresentação teórica compartilhei a experiência do trabalho com Educação em Alimentação Viva que venho realizando no Brasil, o programa de introdução a Alimentação Viva baseado na metodologia Terrapia, através dos cursos online ao vivo, personal e o CulináriaViva.com. O que  resultou na demanda de cursos em Espanhol online ao vivo. Nossa árvore está espalhando sementes, Gracias a La Madre Tierra!

Maria Luiza Branco apresenta a metodologia Terrapia
e Alimentação Viva na Promoção da Saúde

Apresentação prática do Terrapia:
aula de Germinação de Sementes e de demonstração da nossa Culinária Viva
Mais uma dos preciosos amigos do grupo da CRUZINHA!
Almocinho ao ar livre!
Aceitei e assumi a representação Brasileira do grupo da Alimentação Viva, que tem o objetivo de divulgar a prática no Brasil e cooperar na coordenação do próximo encontro internacional: "Harmonizando com a Mãe Terra" ou "Armonizando con La Madri Tierra", através da aprendizagem com Alimentação Viva.

Grupo de organizadores do próximo Encuentro
 que será no Peru, em outubro de 2013!
A Escola Viva Terrapia, com sua metodologia estruturada, gerou interesse pela criação de centros de difusão da Alimentação Viva na Bolívia e a demanda da participação na organização da metodologia do próximo encontro que será realizado no Peru em outubro de 2013.

Entre Ju Malhardes (eu) e Maria Luiza Branco, está a Carmen,
organizadora que será nossa anfitriã no próximo Encuentro no Peru.
 Nas conversas, palestras, danças e músicas recebemos a boa vibração da Cultura Andina. Germinando assim novas conexões entre pessoas que estão caminhando no estilo de Vida da Alimentação Viva. Agregando novos "hermanos" à família Terrapia ganhamos e compartilhamos força para seguir o caminho com muita energia de vida.

Amigos, no facebook “Juliana Malhardes” você vão encontrar mais fotos do encontro.

Gratidão pelo carinho sempre,
Juliana

Você também pode gostar de:

0 comentários:

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana