Como é uma refeição de comida viva?

18:54 Juliana A. Malhardes 1 Comments

 

DSC00165 Quando pensamos na dieta viva, baseada em sementes germinadas e brotos combinados com vegetais crus, é comum surgir aquele “medo de ficar com fome”, mas na prática ao contrário do que pensamos o alimento vivo e cru traz maior saciedade para o corpo. Por ser livre de cozimento o alimento tem preservada a vitalidade, as enzimas digestivas e toda a estrutura de informações essenciais, que facilitam a assimilação pelo corpo com menor gasto de energia no processo digestivo.

O cardápio vivo deve conter: semente germinadas, brotos, vegetais crus, fermentados e desidratados. Traduzindo para uma apresentação culinária uma refeição viva é composta de uma salada verde com brotos, um creme de sementes germinadas fermentadas e um amornado de sementes germinadas com legumes, podendo ser acompanhada de um cracker ou uma farofa de legumes crus.

O efeito visual do prato “cheio” para muitos de nós ainda é importante, pois que seja então cheio de vida! Na foto o almoço que fizemos hoje que contém: Salada de brotos de girassol, cultivados em casa e colhidos na hora, com alho e óleo (azeite extra virgem), amornado de couve-flor orgânica com feno grego germinado, fermentado de repolho roxo, creme de amêndoas germinadas fermentadas e cracker de amendoim e grão de bico germinado. Muita vitalidade, muita enzima digestiva e é claro muiiiito hummmnnn.

Seguimos juntos germinando ideias de um dia a dia com mais vida, sabor e saúde!

Boa germinação,

Juliana Malhardes

Visite também nossa pagina no face: www.facebook.com/culinariaviva

Você também pode gostar de:

Um comentário:

  1. Oi, Juliana
    Li a material na revista Vida Simples e fiquei interessada. Em primeiro lugar, existem restricoes pra quem tem problemas de gastrite (os medicos de orientacao chinesa recomendaram que eu so coma alimentos cozidos). Em segundo, existem restaurants em SP que sirvam esse tipo de alimentacao?
    Obrigada, um abraco

    ResponderExcluir

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana