Feijão Azuki Germinado

14:39 Juliana A. Malhardes 6 Comments

azuki - como germinar

 

O processo acima é aplicado a todas as sementes germinam NO AR conforme a tabela de sementes comestiveis germinadas do Terrapia/Ensp, diponível no link:

http://culinariaviva.blogspot.com.br/2008/06/como-germinar.html

Boa germinação!

Com carinho,

Juliana

Você também pode gostar de:

6 comentários:

  1. Muito obrigado, Ju. Encontrei essa postagem sobre o Azuki procurando uma solução para as sementes cruas e duríssimas que andei mordendo mas tô achando muito sofrimento selecionar as sementes que germinaram das que não germinaram. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querido, azuki é a semente mais fácil de escolher porque ela não bebe água se não for germinar, só vai ser sofrido se for muitas sementes que não germine, então pode ser que tenha um pacote de sementes velhas. Considere isso!

      No mais, tem sementes mais fáceis e interessantes pra saúde como gergelim (natural ou preto) que só fica de molho uma noite, por exemplo! Se tá doendo, vamos mudando até ficar gostoso!!! :D

      A Culinária Viva deve ser um momento de prazer, de auto cuidado divertido, saboroso e feliz!!! Finalmente escolhas saudáveis devem ser prazerosas!

      Excluir
  2. :) Muito obrigado. Estava aqui pensando em postar um comentário mais educado e me deparo com a sua gentil resposta. Acho que quase quebrei um dente. Mas, afinal, acabei conhecendo material sobre como curar dentes naturalmente :) Estou comendo o azuki quase todos os dias. Precisando acertar ainda a quantidade a ser germinada. Acabei de comer uns aqui com folhinhas porque cresceram demais. Não achei interessante comê-los tão crescidos pois a semente se abre muito e com o tempo de exposição maior da semente ao ambiente externo (ar e tudo o mais que tem nele) pode aumentar as chances de contaminação por micro-organismos.

    Paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido, fique sempre muito atento a tabela de germinação, azuki não pode ser consumido com duas folhinhas pq é toxico na forma de broto. Melhor jogar na terra do que colocar pra “dentro”, ok? E

      é assim mesmo, a gente sempre perde ingredientes, faz parte mesmo na rotina de praticantes experientes!

      Fiquei curiosa em relação ao material para curar dentes naturalmente.

      Paz e gratidão!
      Um vivo abraço,
      Ju

      Excluir
  3. :) Excelente o toque sobre o broto do Azuki. Muito obrigado. Quanto ao material sobre como curar dentes naturalmente segue aí:
    Tem o Ramiel Nagel demonstrando entendimento sobre o papel da alimentação viva:
    1)http://www.curetoothdecay.com/private-lessons/lessons-intro.htm?awt_l=InB1.&awt_m=LkSOtUlvu2pPFS
    (falando sobre o procedimento para frear a cárie dentária)
    2) http://www.curetoothdecay.com/private-lessons/lessons-view.htm?awt_l=InB1.&awt_m=L4AIQOLDu2pPFS
    (falando sobre o papel do ácido fítico sobre a cárie dentária)
    3) http://www.curegumdisease.com/Cure-Gum-Disease-Naturally-Preview.pdf
    (falando sobre como curar gengivas)
    Tem também o Mike dando uma receita simples de pasta de dente e falando sobre como curar olhos:
    1) http://healthgurumike.com/how-to-make-homemade-remineralizing-toothpaste/
    2) http://perfecteyesightprogram.com/

    E por último, mas não menos importante, tem a Ulla Schmid canalizando muito conteúdo sobre o tema, incluindo até mesmo um relato de caso de uma idosa que foi em frente e teve sucesso contra uma situação que incluía dentes com infeccionados. Ela fala de um suplemento importante para casos em que há a indicação de tratamento de canal:
    http://www.healingteethnaturally.com/tooth-root-infection-remedies.html


    Voltando ao gergelim que você citou, se me lembro bem ele é apontado como importante para remineralizar os dentes, por ser fonte de cálcio.

    Viva a Juliana, viva a Juliana!


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tiago! ,

      gratidão por seu retorno tão instrutivo!!! Vivaaaaaaaaa o Tiago!
      Vou ler com carinho! Gratidão!

      Sobre o gergelim, é recomendado como fonte de calcio sim, preferencialmente pré hidratado por 6 a 12 horas (uma noite), liquidificado e coado num pano ou coador de voal!

      Ficamos em contato!

      Gratidão e viva alegria,
      Juliana

      Excluir

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana