Bebê pode comer cacau em pó?

novembro 21, 2018 Juliana A. Malhardes 0 Comments



Oie! Respondendo a pergunta do @rafaelanovaespaisagismo lá no instagram!

Bem, vamos lá! Gratidão Rafael pro sua pergunta! Me ajudou a escrever um post com um assunto que eu considero bem importante para todos nós, com ou sem bebê por perto!

Até seis meses de idade é recomendado que bebê consuma apenas o leite materno, da mãe dele no caso...rs Não de outras mães de outras espécies...rs

Durante a introdução alimentar, a partir dos 6 meses, é sugerido que eles possam descobrir os sabores reais das frutas e dos legumes. Então alterar o paladar da fruta seria um motivo para eles não consumirem cacau.

A partir dos 8 meses as nutricionistas em geral dizem que não haveria problemas para a saúde do bebês, claro que moderadamente como tudo.

Aí eu adiciono as minhas razões para descordar um cadinho:

Na minha humilde opinião as crias antes de 3 a 4 anos de idade não deveriam consumir cacau.

O cacau tem em si uma substância estimulante cardiovascular. E é por isso que ele é considerado afrodisíaco e maravilhoso para praticantes de esportes. Ele já recebeu muitos nomes e aplicações por essas características incríveis! Essa propriedade já fez dele um alimento sagrado entre os Incas e Maias.

Porém os bebês tem o corpo "muito limpinho", num ambiente alcalino como o corpo de um bebê o cacau terá uma ação mais intensa  do que em um adulto  já meio "poluído", por assim dizer, com a grande maioria. E mesmo que naqueles que já tem um prática desintoxicante. Pense em como você se sente como come cacau puro.

Então a sensação de animação e excitabilidade é uma a reação do estimulo cardiovascular, e que será percebida no bebê e a agitação será percebida pelos pais, naturalmente. O que pode acarretar perda de sono e irritabilidade por parte do bebê. O que geralmente acarreta o mesmo pros pais...rs

E diga aí, qual é a mamãe, o papai ou a vovó que precisa que seu bebê saudável tenha mais energia do que ele já vem de fábrica? E se o bebê estiver sem energia não deve ser o cacau o alimento indicado para resolver esse problema!!! Atenção, não mesmo!

O mesmo cuidado para não acelerar demais nós devemos ter também, mesmo sendo adultos. O corpo tem seu ritmo, acelerar com alimentos que são estimulantes não é sinal de energia vital no corpo. A acelerada desses alimentos como a cafeína, por exemplo, é uma forma de forçar o corpo a trabalhar com uma energia que ele as vezes nem estava dispondo. Você já reparou que lembramos da cafeína quando temos sonolência e fraqueza? Então o corpo pega a energia que tá fraca e concentra pra ter uma sensação instantânea de disposição. Para isso acontecer uma das coisas que são paralizadas no sistema, momentaneamente,  é o sistema natural de desintoxição. Então, isso quer dizer que você deixa de desintoxicar, embora isso seja fundamental para ter verdadeira vitalidade.

Então, se você tá com a pilha fraca ou tá com aquela moleza no meio da tarde, o melhor é levantar dar um pulos, dar leves palmadinhas pelo corpo todo, sorrir, e observar se sua energia subiu. Deveria, tá? ...rs

Naturalmente a base para um corpo ter energia e bem estar constante é a regra básica: repouso, alimentos vegetais, atividade física regular e moderada e amar! Meditar também faz muito bem!

Ajudei? Essa informação agregou algo pra você? Por amor deixe nos comentários as suas impressões, porque isso me anima a escrever mais e mais e mais! Tem dúvidas? Manda pra mim! Sua dúvida pode virar um post!

Um vivo abraço!
Juliana



Fonte da foto, com gratidão a https://jornaldoguara.com.br/2018/08/07/urbanos-recebe-cerimonia-de-cacau-da-lua-nova/

0 comentários:

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana

RECEITA DA TORTA FACINHA DE BANANA

novembro 21, 2018 Juliana A. Malhardes 0 Comments







Conforme prometido, vamos lá!

Pensa uma receita fácil de fazer que dá pra fazer com o bebê no sling! Pensa se dá pra uma mãe que nem dorme tanto assim fazer com um bebê sling, você que não tem esse “temque” irá conseguir fazer com as mãos livres! Kkkk Sem mimimi! Vamos lá?

A técnica é bem simples, resumindo e simplificando se trata de um creme de frutas, no caso banana, intercalando camadas de fatias de frutas. Fica bem gostoso temperar misturando ingredientes como coco ralado, canela, cacau (se não for para bebês), alfarroba e óleo de coco, por exemplo.

Ingredientes:
8 bananas grandes maduras
6 bananas um pouco menos maduras
1 colher de sopa cheia de Alfarroba (opcional – pode ser cacau, se não for para bebês)
½ xícara de coco ralado (eu usei a massa do leite de coco descascado – sem a parte marrom, que alguns chamam erroneamente de resíduo ...rs)
Raspa da casca de meia laranja (fundamental...rs)
5 morangos orgânicos (opcional)
3 colheres de sopa de óleo de coco
Canela a gosto

Preparo:
1.       Faça um creme com a banana as bananas maduras e umas duas bananas menos maduras e a alfarroba, quando terminar acrescente óleo de coco e o coco ralado e misture com uma colher;
2.       Numa forma de fundo removível de 30 cm (pra essa quantidade de ingredientes), coloque uma camada de bananas menos maduras em fatias;
3.       Cubra com o creme e siga intercalando até acabar a massa;
4.       Decore com coco ralado, raspa de laranja, canela e morangos ou outra fruta da época;
5.       Coloque no congelador por 4 horas para ajudar a dar firmeza, mas se preferir consumir na hora tudo bem também!

Dica:
- A banana mais verde e o óleo de coco ajudarão a dar consistência firme à massa.
- Brinque com as possibilidade de substituição de frutas no creme e nas fatias!
Rendimento:
1 torta de 30 centímetros!

Essa receita foi inspirada numa torta deliciosa feita por @saudefrugal num retiro que organizei pro Corassa. Espero que tenhamos outro em breve!

Gostou? Vai fazer? Então comenta aí! O que você achou dessa receita? Facinha? Vai rolar?
Aproveita me conta, você tem mais fome dos doces ou dos pratos salgados da Culinária Viva?

Ah! Sim, a minha ficou meio caidinha pro lado, né? É que tava o maior calor e a bichinha não aguentou! :D Faz parte, mas foi o maior sucesso! Vou colocar na próxima postagem as carinhas felizes que curtiram essa delícia!

Um vivo abraço!

0 comentários:

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana

Mude suas emoções através dos alimentos

novembro 21, 2018 Juliana A. Malhardes 0 Comments

Aprendemos que comer é pra ter energia pra estudar e arrumar a casa e brincar... Não nos ensinaram que comer é fundamental para criar emoções positivas, dar real energia pro corpo e transformar os sentimentos de opressão em liberdade e ação. 

Eu vivi essa experiência de transformação pessoal de uma maneira tão profunda há 13 anos que eu decidi que me dedicaria a levar essa possibilidade para outras pessoas.

Eu decidi que iria empreender e levar para o maior número de pessoas a liberdade de escolher alimentos que são capazes de trazer boas emoções.

Desde então eu atendi centenas de pessoas, dei aulas outras tantas de 5 países através da internet. E sistematizei uma forma de ensinar e aprender! Baseada na minha experiência e pessoal e profissional!

E ele está pronto pra você! Chama-se Transformação Viva. São 8 semanas, 60 dias de cardápios, lista de compras e dezenas de video aulas de receitas para você transformar suas emoções, suas escolhas e se sentir com força e energia para fazer as melhores escolhas para sua vida!

É com certeza de que você terá uma linda colheita que eu te convido para conhecer o

http://ju.culinariaviva.com/tv.

O meu treinamento mais completo e que tem tudo que você precisa para viver com emoções serenas, num corpo cheio de energia e muita vitalidade!

Um vivo abraço!
Juliana Malhardes

0 comentários:

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana

Transformação Viva com Mentoria Individual! Primeira aula gratuita.

novembro 08, 2018 Juliana A. Malhardes 0 Comments


VAMOS MELHORAR O MUNDO JUNTOS?

É com alegria que venho te apresentar a forma que encontrei de mudar o mundo para melhor! Através de aulas de Culinária Viva! Há 12 anos eu facilito a vida das pessoas interessadas em mudar o mundo a partir da própria saúde, se tornando mais felizes e vivendo com mais energia a partir do aumento do consumo dos alimentos vegetais, pouco processados e crus! Dessa forma eu já orientei centenas de pessoas de cinco países e não tenho vontade de parar, nem elas de praticar!!! E seria maravilhoso viver essa experiência com você também!

Quando comecei na Alimentação Viva senti muita falta de uma forma didática sistematizada, objetiva e simples de orientação para a prática cotidiana da Culinária Viva. Eu passei anos aprendendo aqui e ali, pescando coisas na internet e indo a oficinas pontuais, além de fazer imersões… Eu consegui viver a transição, transformar minha saúde completamente!!! Mas aprender essa forma me tomou muito tempo e investimento.

 Acontece que quando a informação vem solta, pulverizada dessa forma o processo de mudança dos hábitos é mais lento e dispendioso! Como tudo tem um lado bom e nada é por acaso, essas dificuldades me inspiraram a facilitar a caminhada de outras pessoas interessadas em viver um estilo de vida com mais saúde e bem estar com os alimentos vegetais, de forma que elas precisam de muito menos tempo e menos investimento!

Eu me dedico a orientar pessoas que desejam aprender a implementar na rotina, de um jeito prático, uma forma aumentar o consumo dos vegetais frescos, crus e pouco processados de forma saborosa, na sua rotina. Ganhando em menos tempo mais clareza mental, vitalidade e humor sereno.

 Fato que a Culinária Viva e Plant Based são únicas, assim com as pessoas e suas rotinas! Então depois de alguns anos dando treinamentos exclusivamente através de video-aulas gravadas e suporte em grupo ou por e-mail, através do Transformação Viva, o meu curso mais completo e transformador de hábitos de vida, eu decidi oferecer um diferencial.

Além das vídeo-aulas gravadas do Treinamento Transformação Viva, agora os interessados em mudanças sustentáveis com orientação personalizada, contam com mentoria através de atendimentos individuais. Onde compartilham suas experiências com alguém que tem expertise e entusiasmo para dar aquela força no caminho.

Te convido para conhecer o conteúdo das aulas do Transformação Viva através acesse link: http://ju.culinariaviva.com/tv. Você pode fazer esse curso com ou sem mentoria.

Para ter acesso ao Transformação Viva com Mentoria Individual, com 8 encontros semanais de orientação, com uma hora de duração, individual, personalizado e baseado na sua realidade. Onde você terá acesso a mim para tirar todas as suas dúvidas, orientar seu desenvolvimento nas habilidades práticas e te guiar para um próximo nível no desenvolvimento de cardápios com orientação personalizada, envie uma mensagem de whatsapp para http://bit.ly/2OuS1Ip, responda a um breve questionário e, se for pra você, agendaremos uma primeira aula gratuita para avaliarmos juntas o melhor para programa para você!

Um vivo abraço!
Juliana Malhardes
Educadora em Culinária Viva - com 12 anos de experiência orientando pessoas do Brasil e cinco países a se tornarem mais saudáveis com a Culinária Viva e Plant Based.

0 comentários:

Olá! Deixe seu comentário!
Vamos germinar juntos ideias vivas!
Com carinho,
Juliana